0

Coluna Resistência: Yoani Sánchez: blogueira da CIA

AuthorAutor: Valton Miranda   

     Desde a eclosão em 2008 da grande crise estrutural do sistema capitalista que o carro chefe da sua economia e política os EUA montaram uma ofensiva a ser levada a cabo em todo o mundo. Durante séculos o método utilizado pelos Estados Unidos e seus aliados europeus, fora o da simples e brutal ocupação militar dos países que entravam na zona dos seus interesses econômicos e geopolíticos, exceto naturalmente os que tinham a bomba atômica, porque temiam o revide. 
O enfraquecimento do sistema levou a CIA a adotar ao lado de intervenções militares indiretas, como por exemplo, no Mali, um plano tático estratégico de interferências parlamentares (Paraguai e Honduras), político-eleitorais e intenso bombardeiro através do espetáculo midiático. A denominada pela mídia alinhada de “dissidente cubana” Y. Sánchez está cumprindo um papel dentro do programa proposto pela CIA e pelo projeto Varela, para influir na opinião pública e nos governos latino americanos que resistem à pretensões de domínio dos EUA. 
O projeto Varela recebe auxílio de grandes empresários do mundo inteiro para alimentar juntamente com a CIA a Rádio Marti que desde Miami, através de suas potentes ondas ataca dia e noite o governo cubano e os países que mantém relações diplomáticas com a Ilha, inclusive o Brasil. Portanto, a vinda da jornalista blogueira, não é nada inocente e esconde por trás do velho refrão do colonialismo europeu e do imperialismo americano de defesa da liberdade e dos direitos humanos, os interesses econômico-políticos do capitalismo ferido.

Postar comentário

• Comentem as matérias, façam sugestões, elogios ou mesmo reclamações, troquem idéias, este é o lugar para opinar!

• Todo e qualquer tipo de comentário contendo ataques pessoais, expressões chulas e/ou ofensivas será sumariamente DELETADO.

• Os comentários aqui exibidos não necessariamente refletem as opiniões do Blog.