0

O SUJO JOGO POLÍTICO

AuthorAutor: Valton Miranda   

Por Valton de Miranda Leitão 

O filósofo Leonardo Boff, mundialmente conhecido, denominou o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, bandido político. Somente homens de elevada estatura intelectual são capazes de mostrar determinadas verdades no contexto da mediocridade política reinante.
A pequenez sociocultural propicia o surgimento de falastrões mitomaníacos, cuja ousadia coincide geralmente com grande domínio verbal, ídolos dos medíocres e líderes aplaudidos na feira dos impotentes de vontade e saber.
O grande jornalista Alberto Dines disse sobre Cunha: “No mostruário de lideranças fornecido pela Revolução Francesa, situa-se entre Georges Danton, o demagogo audacioso e Joseph Fouché, o conspirador-manipulador, eterno sobrevivente, sacerdote capaz de fingir-se ateu para ganhar mais poder. Comparado com antigos parceiros como Collor e Garotinho, é um profissional padrão ‘Intocável’, tal como Daniel Dantas e outros ex-associados”.
A política brasileira em vários momentos de crise tem apresentado esse tipo de marginal, que se posiciona quase sempre à direita do espectro político, como Carlos Lacerda. Tais indivíduos são geralmente, inteligentes e astuciosos, tanto quanto inescrupulosos e sem caráter.
Quando todo um Congresso cai sob a influência de tais pessoas abrigadas num organismo partidário como o PMDB, temos uma súcia perigosa e inimiga do próprio sistema liberal. O liberalismo político é uma dessas loucuras criadas por mentes brilhantes como Locke, constituindo juntamente com o judiciário, o sistema normativo da chamada democracia representativa.
O jogo político brasileiro, influenciado pelas dificuldades econômicas mundiais e nacionais, encontra-se de cabeça para baixo, tendo como os mais influentes personagens dessa inversão Eduardo Cunha, Renan Calheiros e Michel Temer.
Carl Schmitt, em 1928, afirma que “a constituição liberal revela dois princípios mais importantes: o princípio distributivo significa que a esfera de liberdade individual é em princípio ilimitada, enquanto a capacidade que assiste ao governo de intervir nessa esfera é em princípio limitada. Em outras palavras, tudo o que não for proibido pela lei, é permitido”.
O mundo assiste estupefato o tsunami migratório dos pobres que invadem o colonialismo europeu que os degradou durante mais de 500 anos. O imperialismo norte-americano, depois de tentar o caminho euro-asiático, bloqueado pelos russos, agora voltasse para a América Latina. Ataca midiaticamente governos de centro-esquerda e no Brasil o alvo é o maior líder da história brasileira.
A destruição da esquerda comporta desde a manipulação do Investment Grade até a liquidação da representação simbólica maior, Lula, através da judicialização desavergonhada do processo político. Combater a corrupção e a impunidade em qualquer lugar é válido, mas fazer uso disso para implementar um gigantesco e sujo jogo político é uma aberração com a qual Maquiavel não concordaria.
A honradez de Dilma contrasta com a sujeira da política rastaquera.

Postar comentário

• Comentem as matérias, façam sugestões, elogios ou mesmo reclamações, troquem idéias, este é o lugar para opinar!

• Todo e qualquer tipo de comentário contendo ataques pessoais, expressões chulas e/ou ofensivas será sumariamente DELETADO.

• Os comentários aqui exibidos não necessariamente refletem as opiniões do Blog.